Parece-lhe que está sempre com fome? Ou tem mais fome do que o habitual? É normal, mas não significa que tenha de comer duas vezes mais.

As mudanças que ocorrem na gravidez podem surpreender-nos, mas é frequente subestimarmos o nosso próprio corpo.

Durante a gravidez, o seu corpo torna-se naturalmente mais eficiente e consegue absorver melhor os nutrientes que ingere. Quando lê afirmações como “comer por 2”, não quer dizer comer duas vezes mais! O que significa é comer mais eficientemente, tendo o cuidado de comer os nutrientes suficientes para apoiar o desenvolvimento do seu bebé.

O bebé vai comer tudo aquilo de que necessita durante os primeiros seis meses sem que a mãe tenha de ingerir calorias adicionais. Procure não comer mais do que o necessário até ao terceiro trimestre e mesmo nessa altura não coma mais do 200-300 calorias a mais (por exemplo, um par de tostas, um abacate, 3 ovos cozidos ou um punhado de sementes de girassol). Contudo, deve falar com o seu médico sobre esta questão se vai ter mais do que um bebé. Comer demais durante a gravidez não é bom para o desenvolvimento do seu bebé e pode deixá-la com excesso de peso após o parto. Sobretudo se a alimentação que fizer tiver um elevado teor de calorias vazias (gordura e açúcar).

Como obter todos os nutrientes de que precisa sem aumentar a ingestão calórica

  • Planeie as suas refeições e lanches
  • Coma alimentos variados, mesmo dentro de uma mesma categoria de alimentos (como legumes), procure cores, tipos e texturas diferentes
  • Minimize os alimentos “extra” que têm calorias mas poucos nutrientes – bebidas açucaradas, alimentos fritos, alimentos com adição de gordura e açúcar
  • Prefira a qualidade em detrimento da quantidade

Pequenos-almoços saudáveis todas as manhãs são uma excelente maneira de começar o dia e ajudam-na a evitar petiscar coisas prejudiciais. Uma taça de aveia enriquecida com ferro e um punhado de morangos constitui um bom começo. Não se preocupe se tiver enjoos matinais, limite-se a comer pequenas quantidades com frequência. É fácil lembrar-se de não comer demasiado se pensar assim: está a comer para um bebé pequenino, não para um adulto do tamanho grande. Mas não precisa de ser muito dura consigo própria. Nalguns dias vai sentir-se esfomeada, noutros só lhe apetece ir petiscando. Limite-se a seguir os seus instintos. Será uma surpresa para si saber até que ponto o seu corpo funciona bem na gravidez.

Aumento de peso

É compreensível que ganhe algum peso durante a gravidez, afinal anda a carregar outro ser humano dentro de si! Se o seu peso pré-gravidez for saudável, espere um aumento de peso de 11 a 16 kg.

Leave a Replylascia un commento