O choro é a única forma de o bebé comunicar consigo. Está a tentar dizer-lhe alguma coisa, e esta pode ter inúmeros significados, por isso recorra a esta checklist para ter a certeza de que cobriu tudo:

  • Está com fome? À medida que reforça a sua ligação com o bebé vai conhecer a diferença entre choros, e o choro da fome é fácil de solucionar.
  • Precisa de mudar a fralda? Até nós ficamos irritados quando estamos incomodados à procura de uma casa de banho.
  • Pode estar só a pedir uma carícia. Quando o bebé está incomodado, pegar-lhe ao colo não significa ensinar-lhe maus costumes, por isso não se preocupe em estragar o bebé só por lhe dar mimo, aproveite estas carícias tão valiosas.
  • Está com frio ou sobreaquecido? Verifique a temperatura do peito ou na parte de trás do pescoço porque as mãos e os pés tendem a arrefecer mesmo quando a criança está quente. Pode ser necessário tirar-lhe alguma roupa ou colocar-lhe algum agasalho adicional.
  • Chora mais ao fim do dia/noite? Pode estar demasiado cansado, por isso deve ter o cuidado de lhe proporcionar um bom sono ao longo do dia.
  • O bebé sente-se mal? Se o bebé não se sente bem é possível que chore menos, e é um choro diferente do normal. Se o bebé recusar alimentar-se e começar a perder peso, leve-o ao médico porque a perda de peso prejudica a saúde do seu bebé.
  • Chorar depois da refeição? Pode ser que tenha retenção de gases, por isso não se esqueça de o fazer arrotar durante ou depois da refeição. Se mesmo assim não se acalmar, pode estar com cólicas.

Sabia que quando os bebés nascem não conseguem produzir lágrimas? Isto deve-se ao facto de os canais lacrimais do recém-nascido servirem sobretudo para manter a humidificação dos olhos. Na verdade, só ao fim de um par de meses é que começa a produzir lágrimas. É difícil ignorar o choro de um bebé, mesmo que não seja o nosso. Ouvir um bebé a chorar pode ser penoso, mas não se deve esquecer que o choro faz parte do desenvolvimento do bebé e quando ele chora não quer dizer que esteja a ser malcomportado. Estabeleça um plano para os momentos em que a pressão é demasiada e se sente perturbada ou irritada. Se acha que pode descontrolar-se, coloque o bebé num local seguro e faça uma pausa afastando-se um pouco.

Os bebés necessitam de muito carinho quanto estão perturbados. Vejamos algumas formas de acalmar o bebé:

  • Segure-o, embale-o ou aconchegue-o a si num porta-bebé
  • Cante, ligue o rádio ou procure algum ruído branco, como o do aspirador
  • Leve-o a dar um passeio a pé ou de carro
  • Experimente dar-lhe uma chupeta: alguns bebés conseguem acalmar-se com uma chupeta
  • Dê-lhe um banho morno ou uma massagem com óleo de coco ou óleo vegetal
  • Entregue-o ao seu companheiro, familiar ou amigo; por vezes, toda a gente precisa de uma pausa, por isso não hesite em pedir

Se o choro do bebé está a afetar o seu relacionamento com ele ou com o seu companheiro, deve pedir ajuda; há sempre alguém disponível para o fazer.

Leave a Replylascia un commento