As exigências do seu filho face à comida podem parecer mesmo difíceis, e nada mais natural do que ficar preocupada sobre se o bebé está a comer o suficiente; no entanto, é melhor procurar não se focar no que ela comeu ou não comeu nesse dia. É muito mais fácil e produtivo olhar para o que comeu ao longo de toda a semana.

É muito frequente as crianças mais pequenas recusarem alimentos – o seu caso não é único – e muitos pais passam por estes problemas, por isso damos algumas sugestões para ultrapassar esta fase em que são esquisitas com a comida:

  • Vá-lhe dando novos alimentos gradualmente.
  • Volte ao alimento que foi recusado antes porque é possível que os gostos da criança tenham mudado, mas às vezes pode ser necessário insistir 10 vezes até ela se habituar.
  • Se o bebé for intransigente e não comer, mantenha a calma e afaste o alimento; se fizer muito alarido, pode dar o bebé a ideia de que recusar a comida é um divertimento.
  • Lidere pelo exemplo, sirva o mesmo alimento ao resto da família, procure comer com o seu filho sempre que puder.
  • Não suborne nem force o bebé a comer, pois pode dar origem a hábitos alimentares pouco saudáveis.
  • Evite dar-lhe demasiados lanches ao longo do dia (2 lanches saudáveis está bem).
  • Porções mais pequenas são mais aceitáveis para o bebé e menos assustadoras, pode sempre repor a dose se acabar.
  • Convide alguém de quem o seu filho gosta para ir comer lá a casa; às vezes, o bebé come quando está com outra pessoa, como um avô.
  • Proporcione-lhe um ambiente calmo para comer e quanto menos distrações, melhor.

Não se esqueça de ser paciente, pode ser que o bebé seja apenas mais lenta a comer. Desde que o bebé não perca peso e esteja a receber os nutrientes certos, está tudo bem.

Leave a Replylascia un commento